Criando e executando programas em Python

Objetivos:
Saiba como executar programas em Python no Windows e no Linux. Aprenda também a executar linhas de código Python diretamente do terminal de comandos.
Recursos e materiais:
Aulas sobre como instalar o Python no Windows e no Linux
Última atualização:
26/04/2021
Aulas do capítulo:

Depois de instalarmos o Python em nosso computador e aprendermos como criar ambientes virtuais, estudaremos agora como executar os programas em Python que viermos a desenvolver.

Conforme veremos abaixo, podemos executar tanto códigos completos em Python, quanto utilizar o terminal de comandos para rodar linhas de código isoladas. Enquanto a primeira opção é mais apropriada para testar o funcionamento geral do algoritmo, a segunda é uma importante ferramenta para conferirmos documentações e testarmos linhas de código específicas.

Além disso, os comandos que veremos a seguir são os mesmos para o Windows e para o Linux. Assim, não faremos distinção entre os sistemas operacionais. Vale sugerir ainda que, caso você não tenha o Python instalado ou não saiba como criar os ambientes virtuais, retorne às aulas anteriores antes de prosseguir.

Como criar arquivos Python?

Os códigos em Python são salvos em arquivos com a extensão “.py”. Desta forma, para construir um programa em Python, basta criar um documento novo com o bloco de notas ou outro editor de texto de sua preferência e salvá-lo no formato “nome_do_programa.py”.

Uma boa prática é evitar a utilização de espaços e caracteres especiais ao dar nomes para arquivos e pastas de seus projetos. Com isso, você garante que o sistema operacional será capaz de entender os caracteres e localizar e rodar os arquivos sem qualquer problema.

IDEs de programação

IDEs são a abreviação de Integrated Development Environment ou, em português, ambientes de desenvolvimento integrados. Como o nome sugere, as IDEs são softwares para programação que possuem uma série de recursos para facilitar a vida do programador durante o desenvolvimento de código.

Um dos recursos das IDEs, por exemplo, é a possibilidade de executar códigos linha a linha para facilitar a busca por erros (debugging). Algumas IDEs também mostram quando funções, estruturas de repetição e outros elementos da linguagem de programação utilizada não estão implementados da forma correta.

Como o objetivo deste curso é o aprendizado da linguagem Python em si, não abordaremos a instalação de nenhuma IDE especificamente. Por isso, caso deseje aprender mais sobre elas e escolher uma para utilizar, recomendamos a você fazer uma busca na internet. Duas boas opções são o Pycharm e o Atom, mas existem muitas outras alternativas, como mostrado na matéria deste link.

Executando programas em Python no Windows ou no Linux

Para que possamos entender como executar programas em Python, salve o algoritmo mostrado a seguir em um arquivo “.py”. No nosso exemplo, decidimos utilizar o nome “meu_primeiro_programa.py”.

meu_primeiro_programa.py
1
print(“Olá mundo!”)
2
print(“Estou começando meus estudos sobre Python!”)
3
print(“Vou me tornar um grande programador!”)
4
a = 3
5
print(a + 2)

Siga as instruções das últimas aulas, caso ainda não o tenha feito, para criar um ambiente virtual para rodar os seus arquivos. Abra o terminal de comandos na pasta onde você criou o ambiente virtual e o ative. Caso tudo esteja correto, o nome do ambiente virtual aparecerá entre parênteses no início da próxima linha no terminal de comandos.

Para facilitar, garanta que o algoritmo que você salvou na etapa anterior se encontra no mesmo diretório onde você criou e ativou o ambiente virtual.

Sempre que o arquivo Python estiver na mesma pasta do ambiente virtual, para executá-lo, digite no terminal de comandos “python nome_do_programa.py”, substituindo “nome_do_programa” pelo nome do arquivo a ser executado. No nosso caso, digitamos:

python meu_primeiro_programa.py

Você deve receber as mensagens que mandamos o programa imprimir através da função “print()“, conforme mostrado a seguir:

Olá mundo!
Estou começando meus estudos sobre Python!
Vou me tornar um grande programador!
5

Também é possível executar arquivos em Python que não estão na mesma pasta do seu ambiente virtual através de duas opções. A primeira delas é você, com oambiente virtual ativo, navegar pelo terminal de comandos até o diretório onde se encontra o arquivo a ser executado e utilizar o mesmo comando que vimos acima. Já a segunda opção é adicionar no comando de execução o caminho no sistema operacional até o arquivo que deseja rodar, conforme ilustrado abaixo para o Windows.

python C:\Windows\…\meu_primeiro_programa.py

O caminho especificado poderá ser o caminho completo (absoluto) do arquivo no sistema operacional ou o caminho relativo à pasta onde o terminal de comandos se encontra aberto e com o ambiente virtual ativo. Teste mover o arquivo contendo o algoritmo para outras pastas no seu computador para então executá-lo. Caso qualquer problema apareça, é só deixar o comentário abaixo que lhe ajudaremos.

Executando comandos Python diretamente do terminal de comandos

Conforme mencionamos no início desta aula, temos também a possibilidade de executar comandos em Python diretamente do terminal de comandos. Esta é uma opção interessante principalmente quando estamos desenvolvendo nosso programa e desejamos testar documentações e linhas de código específicas.

Mais detalhes sobre como o terminal pode nos ser útil serão apresentados nas próximas nas aulas, à medida em que nos aprofundarmos na programação em Python. De qualquer forma, para rodar códigos diretamente do terminal, ainda com o ambiente virtual ativo, digite “python” e aperte Enter.

Você deve receber uma mensagem similar à mostrada abaixo, informando a versão do Python sendo utilizada e algumas instruções caso deseje saber mais informações. O símbolo “>>>” também deve ter aparecido, aguardando que você digite seus comandos.

Python 3.9.1 (tags/v3.9.1:1e5d33e, …) [MSC v.1927 64 bit (AMD64)] on win32
Type “help”, “copyright”, “credits” or “license” for more information.
>>>

Para testar, insira linha por linha os comandos do Algoritmo 1. Repare que o retorno é exatamente o mesmo quando rodamos o algoritmo completo, mas os comandos são analisados à medida em que os inserimos no terminal.

Quando desejar sair do modo de execução do Python pelo terminal, digite “exit().

E o que vem depois?

Agora que já sabemos como executar programas em Python, começaremos a desenvolvê-los a partir da próxima aula. O primeiro ponto de parada em nossa jornada será no mundo dos dados numéricos, quando descobriremos as operações que podemos realizar com números inteiros e reais, além de algumas funções próprias do Python para trabalhar com esses tipos de dados.

Se você quer aprender mais sobre programação, acesse agora esse link e faça parte da Mecatrônica 100%. Muito conteúdo interessante para o seu crescimento está por vir! E se ficou com alguma dúvida sobre a aula de hoje, deixe abaixo nos comentários para que possamos te ajudar.

Referências bibliográficas

RAMOS, Raniere “10 IDEs para programar em Python”.Online. [Acesso em 21 abril 2021]

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: